Como caracterizar e identificar a sua substância

Para a maioria dos processos REACH, CRE e Produtos Biocidas, deve incluir as seguintes informações no seu dossiê, de modo a identificar claramente a substância:

  • Nome da substância e respetivos identificadores. Estes podem ser, por exemplo, o nome IUPAC, o número EINECS ou ELINCS ou o número CAS.
  • Fórmulas moleculares e estruturais, se aplicável.
  • Informações sobre a composição e a pureza da substância.
  • Dados espetrais e outras informações analíticas para verificar a identidade e a composição da substância.

Os requisitos específicos relativos às substâncias monoconstituintes, multiconstituintes e UVCB (substâncias de composição desconhecida ou variável, produtos de reação complexos e materiais biológicos) são descritos no Guia de orientação para a identificação e designação de substâncias no âmbito dos Regulamentos REACH e CRE.

A ECHA necessita de concluir que a identidade que atribui à sua substância está correta. Para o efeito, devem ser incluídos no dossiê espetros, cromatogramas e informações analíticas de qualidade. É importante que os espetros, os cromatogramas e outras informações analíticas sejam devidamente avaliados e que a sua interpretação conste do dossiê.

Para mais informações sobre como preparar a parte relativa à identidade da substância do seu dossiê de registo do REACH, consulte o Manual de Apresentação de Dados, Parte 18: Como comunicar a identidade da substância na IUCLID 5 para efeitos de registo nos termos do Regulamento REACH.

Categories Display

Marcado como:

(clique na etiqueta para procurar conteúdo relevante)