Modelos QSAR

Os modelos de relação estrutura/atividade (SAR) e de relação quantitativa estrutura/atividade (QSAR) - designados coletivamente como (Q)SAR - são modelos matemáticos que podem ser utilizados para prever as propriedades físico-químicas, biológicas e de destino ambiental dos compostos, a partir do conhecimento da sua estrutura química. Estes modelos estão disponíveis gratuitamente ou como programas comerciais.

A utilização de modelos (Q)SAR tem de fornecer informações fiáveis que sejam comparáveis e suficientes para preencher os requisitos de informação. Os modelos (Q)SAR devem ser validados do ponto de vista científico e a sua substância deve ser abrangida pelo domínio de aplicabilidade do modelo. Tal como com qualquer outra forma de dados, deve fornecer documentação suficiente que permita uma avaliação independente dos resultados.

Sugestões

  • Utilize os modelos (Q)SAR para prever as propriedades físico-químicas e algumas propriedades de toxicidade ambiental e de destino ambiental. Atualmente, os modelos (Q)SAR não são adequados para a previsão de propriedades toxicológicas complexas, uma vez que não são adequados para fins de classificação e rotulagem ou avaliação dos riscos.
  • Documente os seus modelos (Q)SAR de forma pormenorizada no seu dossiê de registo, utilizando os modelos normalizados da IUCLID.
  • Recomenda-se que utilize os modelos de classificação (que preveem respostas positivas/negativas [sim/não]) para as propriedades, sempre que o resultado do ensaio possa ser expresso dessa forma.
  • Considere a utilização de parâmetros adicionais e associe as interações potenciais entre estes. Os modelos (Q)SAR podem ser associados a outros dados e utilizados numa abordagem de ponderação da suficiência da prova.
  • Crie um registo de estudo para cada estrutura química sujeita a um modelo de previsão (Q)SAR .

Categories Display

Marcado como:

(clique na etiqueta para procurar conteúdo relevante)